Tudo que você precisa saber sobre Cisto Pilonidal?

É uma doença adquirida, cujo evento inicial é um trauma na pele e dos folículos pilosos causando o encarceramento de pelos, não necessariamente aqueles que surgem localmente na fissura original.

Fatores de risco:

Sexo masculino, história familiar pregressa da doença, índice de massa corporal alto, higiene precária, grande quantidade de pelos na região interglútea, anatomia profunda da fenda original, profissões que os doentes permanecem muito tempo sentados e transpiração excessiva.

Clínica:

Abscesso agudo que requer drenagem, dor na área sacrococcígea com drenagem de líquido claro ou sanguinolento, uma ou várias depressões na linha média.

Diagnóstico:

A simples anamnese e um exame físico, na maioria dos casos, são suficientes.

Tratamento:

Deve ser adequado às expectativas do paciente, anatomia e gravidade da doença. As opções variam desde terapias conservadoras até excisão local ampla com reconstrução utilizando retalho local.

Informação Importante:

História familiar de doença, alto número de seios de drenagem, alto diâmetro da cavidade e fechamento primário da ferida têm se mostrado associados a maiores taxas de recorrência.

Clique aqui para agendar sua consulta!